Qual interruptor para chuveiro usar na Instalação Elétrica?

O chuveiro é um dos eletrodomésticos que mais consomem energia elétrica em qualquer casa! Levando em conta a corrente elétrica que passa por ele e seu tempo de uso, podemos dizer que esse aparelho é muito potente.

Por isso os chuveiros contam com sistemas elétricos eficientes, além de várias peças importantes. Uma delas é o interruptor, ou simplesmente o disjuntor do chuveiro. Seu principal objetivo é proteger o aparelho, garantindo um bom funcionamento dele.

Então, neste artigo falaremos mais sobre interruptor de chuveiro. Veja qual usar na instalação elétrica do seu chuveiro e outras informações importantes sobre o tema.

O que é um disjuntor e qual é a sua importância?

Um disjuntor nada mais é do que um tipo de interruptor elétrico fabricado exclusivamente para proteger circuitos elétricos.

Sabemos que, em um sistema elétrico, as correntes podem variar ou as instalações podem apresentar problemas, como curtos-circuitos. Aliás, essa é uma das principais causas de incêndios em residências no Brasil.

Agora, você conhece alguém que teve a casa incendiada de forma parcial ou completa por conta de problemas elétricos! Pois bem, grande parte deles se dá justamente por causa da ausência ou uso incorreto dos disjuntores.

Mas, voltando ao assunto principal, esse interruptor vai proteger as instalações de curtos-circuitos e sobrecargas nos sistemas. Uma sobrecarga é algo que pode acontecer em qualquer residência.

Por exemplo, se você ligar vários equipamentos em uma única tomada, pode gerar um problema desse tipo. Quando algo assim acontece, o disjuntor vai desligar a energia automaticamente, cortando a corrente elétrica e evitando danos mais graves.

O disjuntor ainda possui uma outra função. Ele possibilita ligar e desligar a instalação elétrica de forma manual, se houver necessidade de algum reparo.

Nesse caso, falando de chuveiros, para instalar esse equipamento no seu banheiro, você deve desligar o sistema por meio de seu interruptor, garantindo a segurança durante o trabalho.

Desligando o disjuntor, você tem a garantia de que nenhuma corrente elétrica chegará até o aparelho, evitando choques e incêndios e acidentes que podem ser fatais.

Problemas causados pela instalação do interruptor incorreto

A escolha do disjuntor elétrico para o sistema é essencial visando a segurança do local. Cada tipo de disjuntor suporta determinada carga elétrica. Assim, é preciso avaliar a potência dos aparelhos e a tensão da rede (110v ou 220v), chegando na amperagem (unidade de medida da corrente elétrica).

Instalar o disjuntor de forma errada ou escolher um modelo insuficiente que não vai suportar a carga elétrica pode ocasionar sérios problemas.

O principal é o desarme do disjuntor toda vez que algum aparelho potente como o chuveiro ligar. Se esse interruptor desarma constantemente, é sinal que ele não está suportando a corrente elétrica que passa pelo sistema.

Existem casos que, ao ligar o chuveiro, o disjuntor desarma na hora! Nessa situação, não houve picos de energia e nem sobrecarga no sistema, mas simplesmente o disjuntor não é o adequado para a amperagem do sistema.

Mas o problema do desarme ocorre quando o disjuntor possui uma potência menor do que a necessária. E se acontecer o contrário! É isso que vamos ver a seguir.

Disjuntor incorreto pode causar incêndios

A corrente elétrica, antes de chegar aos aparelhos, passa por esse interruptor. Se ela for maior do que o disjuntor aguenta, ele vai desarmar, entendendo como uma sobrecarga. Nesse caso, o disjuntor pode até mesmo pegar fogo, já que curtos-circuitos são mais propícios a acontecer.

Mas, se o disjuntor tiver uma potência maior do que a necessária, o problema pode ser ainda mais grave. Por exemplo, vamos supor que a sua casa possui um sistema e uma fiação para suportar uma corrente elétrica X. Mas você instala um disjuntor com potência para 2X.

Nesse cenário hipotético mas que acontece muito nas residências brasileiras, quando houver uma sobrecarga ou pico de energia, o disjuntor vai permitir que uma corrente elétrica excessiva passe pelo sistema.

Assim, ele vai deixar passar uma corrente elétrica de 2X, mas o seu sistema suporta apenas X. O resultado pode ser catastrófico, como incêndios com origem no derretimento da fiação que podem ser difíceis de identificar no início, aumentando as chances de danos severos.

Outros sistemas e equipamentos também podem entrar em curtos-circuitos, causando incêndios.

Qual é o interruptor ideal para cada tipo de chuveiro?

Para saber qual o disjuntor ideal levando em conta o tipo de chuveiro, você vai precisar analisar três fatores:

  •   Potência do chuveiro;
  • Tensão do chuveiro (precisa ser compatível com a tensão da rede elétrica);
  • Espessura da fiação do sistema.

Informações como potência do chuveiro e tensão são obrigatórias na embalagem e/ou no manual do aparelho! Preste atenção nelas antes de comprar o chuveiro.

Assim, os disjuntores se diferenciam por amperagem suportada. Veja alguns exemplos:

Chuveiro com potência de 2500wtensão 110v/127vfiação de 4mm² 25 amperes o disjuntor
Chuveiro com potência de 2500wtensão 220v/230vfiação de 2.5mm² 15 amperes o disjuntor
Chuveiro com potência de 4500wtensão 110v/127vfiação 6mm² 40 amperes o disjuntor
Chuveiro com potência de 4500wtensão 220v/230v fiação 4mm² 25 amperes o disjuntor
Chuveiro com potência de 5500wtensão de 110v/127vfiação de 10mm² 50 amperes o disjuntor
Chuveiro com potência de 5500wtensão de 220v/230vfiação de 4mm²30 amperes o disjuntor
Chuveiro com potência de 6800wtensão de 220v/230vfiação de 6mm² 35 amperes o disjuntor

Se o disjuntor do chuveiro da sua casa tiver uma amperagem baixa, o disjuntor desarmará quando você ligar o chuveiro. Além disso, se você escolher um modelo de corrente mais alta, não detectará problemas de sobrecorrente que possam representar um risco à sua instalação.

Fique atento e escolha o disjuntor correto para evitar problemas futuros.

Quando trocar o disjuntor do chuveiro?

Primeiramente, se você identificar que o disjuntor instalado na sua casa não é o compatível de acordo com as características do sistema, faça a troca o quanto antes, mesmo que ele ainda não esteja apresentando problemas.

E, diante de desarmes constantes dele ou se o equipamento for muito antigo, também avalie a troca. Em todos os casos, é essencial contar com a ajuda de um eletricista, pois ele saberá qual disjuntor instalar visando, acima de tudo, a sua segurança e da sua família.

Mas, além de seu interruptor, verifique todo o sistema, principalmente a fiação elétrica da sua casa e certifique-se de que tudo esteja em ordem. 

Por que o disjuntor do chuveiro fica desarmando?

Já mencionamos anteriormente uma situação onde o disjuntor desliga imediatamente após o acionamento do chuveiro elétrico. O disjuntor desarmando de forma constante é um sinal de alerta! Veja porque isso pode acontecer.

  • Disjuntor desarma quando liga o chuveiro: o disjuntor identifica um pico de energia, desarmando automaticamente. Ou ainda ocorre um curto-circuito em alguma parte da fiação, também gerando pico de energia;
  • Disjuntor desarma depois de algum tempo com o chuveiro ligado: provavelmente a potência do chuveiro é maior do que a suportada pelo disjuntor novamente temos aqui um caso clássico de disjuntor errado;
  • Disjuntor desarma quando liga o chuveiro e outro aparelho: nesse caso, a soma das correntes dos dois aparelhos é maior do que a capacidade do interruptor. Nesse caso, a solução é instalar um circuito específico apenas para o chuveiro.

O disjuntor pode desarmar também no caso da distância entre o equipamento do chuveiro e o dispositivo de segurança não corresponda à distância especificada na norma ABNT NBR 5410.

É importante também verificar a fiação. Se a saída do chuveiro exceder a capacidade da tubulação, poderá ocorrer superaquecimento. Se houver algum problema com isso, o disjuntor desarmará para garantir a segurança do equipamento elétrico.

Para identificar a causa do desligamento do aparelho na sua casa, é importante consultar um eletricista para realizar a manutenção adequada e evitar maiores problemas no futuro.

Chuveiro 110V x Chuveiro 127V: qual a diferença?

Na verdade, não existe diferença entre chuveiros 110v e 127v. Ambos possuem a mesma tensão. Antigamente, usava-se a nomenclatura 110v. Hoje em dia, usa-se 127v.

Em relação a tensão 220v, ou 230v, aí sim há diferença na corrente de energia. A voltagem 110v/127v utiliza um fluxo maior de corrente, mas tensão menor. Na 220v, acontece justamente o contrário.

Por isso que, se você ligar um aparelho 220v na tensão 110v/127v, ele não vai queimar, mas funcionará com potência menor. Mas, se ligar um aparelho 110v/127v na tensão 220v, ele vai queimar.

Disjuntor para chuveiro: dicas de instalação

Agora vamos ver algumas dicas de instalação do disjuntor para chuveiro. Afinal, vimos até aqui como esse equipamento é importante, sobretudo para aparelhos com grande potência, como os chuveiros.

A principal dica é saber a corrente certa. Nesse caso, essa informação precisa estar na embalagem ou no manual do produto. Se isso não estiver claro, você pode calcular a corrente com a ajuda da Lei de Ohm.

Para isso, você precisa ter em mãos duas informações essenciais: a potência do chuveiro e sua tensão elétrica. Assim, divida a potência pela tensão, para chegar na corrente elétrica, medida em amperes.

Por exemplo, se o chuveiro tiver potência de 5500w e a tensão do chuveiro for 220v, o resultado será 25 amperes, ou seja, o disjuntor precisa ser compatível com essa potência.

Além disso, o resultado de 25 amperes é a corrente nominal do chuveiro, pois consiste na corrente esperada do equipamento.

Outra dica diz respeito à segurança. Instalar um chuveiro é um serviço que requer cuidados. Se você não entende do assunto, procure um eletricista. Ele vai te ajudar até mesmo a escolher o disjuntor certo, já que boa parte dos problemas se dá por conta da escolha de disjuntores errados.

Já sobre o local de instalação do equipamento, utilize sempre o quadro de disjuntores! Seguindo essas dicas, você garante a segurança e evita prejuízos no futuro.

Conhecendo os três principais tipos de disjuntores

Existem três principais tipos de disjuntores e cada um é indicado para determinada situação. Vamos ver uma definição sobre cada um deles e suas indicações.

  • Disjuntor unipolar: também conhecido como disjuntor monofásico, é usado em circuitos de uma só fase, incluindo tomadas 127v. Nesse caso, a soma das potências da rede (levando em conta todos os equipamentos), não deve passar de 8.000 watts;
  • Disjuntor bipolar: usado em instalações bifásicas, incluindo circuitos de chuveiros e equipamentos de grande potência (127v ou 220v). A potência máxima não deve passar de 25.000 watts;
  • Disjuntor tripolar: aplicado em circuitos de três fases, com potências entre 25.000 a 75.000 watts. Utilizado sobretudo em indústrias e comércios.

Mais Segurança para instalação do chuveiro

Para que você aumente ainda mais a segurança na instalação do seu chuveiro pode ser instalado um dispositivo de proteção diferencial residual (DR).

Ele vai proteger todo o sistema contra corrente de fuga e protege o usuário contra choque elétrico.

5 new from R$ 156,11
Free shipping
Amazon.com.br

O DR é um dispositivo básico para garantir a segurança das instalações de chuveiros elétricos. Os padrões atuais exigem que os equipamentos tenham um DR; veja nosso artigo CHUVEIRO ELÉTRICO COMPATÍVEL COM DR VALE A PENA?

No entanto, este dispositivo de segurança muitas vezes não está instalado nas residências mais antigas.


Perguntas frequentes sobre o assunto

Como saber o interruptor certo para o chuveiro?
Primeiro, olhe a embalagem do chuveiro e veja informações como tensão elétrica e potência. Depois, na hora de comprar, escolha o disjuntor ideal levando em conta a amperagem suportada. O vendedor pode te ajudar, bem como a própria embalagem do equipamento.
Qual disjuntor usar para chuveiro 5500w 220v?
O melhor disjuntor nesse caso é o de 30 amperes, pois ele vai suportar bem e exercer sua função de proteção da rede elétrica.
Qual disjuntor usar para chuveiro 5500w 127v?
Nesse caso, o melhor disjuntor é o de 50 amperes, pois, além da grande potência do chuveiro, a tensão de 127v utilizará um fluxo maior de corrente.
Qual o interruptor ideal para chuveiro 7500w?
Levando em conta a tensão 220v, o disjuntor ideal para um chuveiro com 7500w de potência é o de 40 amperes.

Conclusão

A escolha do disjuntor ideal para seu chuveiro é ideal visando a segurança do sistema. Qualquer erro ou falha na instalação pode até mesmo causar um incêndio na sua casa.

Informações como tensão e potência do aparelho são fundamentais na hora de comprar e instalar um disjuntor. Esses dados devem estar claros na embalagem ou no manual do produto.

Lembrando que a NBR5410, a norma para instalações elétricas de baixa tensão, estabelece uma série de diretrizes sobre disjuntores, interruptores e tomadas elétricas.

Ou seja, a norma foi criada justamente para aumentar a segurança das instalações e evitar acidentes. E tudo o que falamos ao longo deste artigo está contextualizado na NBR5410.

Agora, você já sabe o básico sobre o disjuntor de chuveiro. Mas, fica a dica, se precisar, procure um eletricista para fazer a instalação do equipamento.